Blog
palete PBR

O que é palete PBR?

O palte PBR é o palete padrão intercambiável, criado pela ABRAS, Associação Brasileira de Supermercados.

A sigla PBR significa Palete Padrão Brasileiro, que foi lançado na década de 90, com o objetivo de ajudar no armazenamento, transporte e movimentação de produtos com maior segurança e produtividade.

Na época, a ABRAS observou que havia pouca mecanização nos processos de carga e descarga dos produtos, exigindo uma mão de obra intensa – o que gerava menor produtividade, maiores chances de perda e custos mais altos.

Até então, os paletes só eram usados para a estocagem, mas depois de vários estudos, testes e provas de campo rigorosas, a ABRAS chegou à estrutura e formatos ideais.

O PBR segue 2 princípios:

1. Aplicação Universal – o palete PBR pode ser usado praticamente em qualquer movimentação, método de estocagem ou sistema.

2. Intercambialidade – troca do cheio pelo vazio e, para isso, o palete precisa ser padronizado com especificações técnicas, normas e procedimentos elaborados e fiscalizados.

 

Por que usar o palete PBR?

O PBR foi atualizado e está na nova versão 2019, feita pela ABRAS – Associação Brasileira de Supermercados. Este processo serviu para modernizar o PBR e deixá-lo alinhado às expectativas do varejo.

Com essa atualização, o PBR ficou mais sustentável (já que utiliza 30% a menos de madeira), mais leve (fácil de movimentar e ergonômico) e eficiente (mantém a capacidade de carga de 1.200 kg, com menos madeira).

 

Mas o que isso significa para quem escolhe usar o palete PBR?

Significa que terá algumas vantagens com o uso desse palete padronizado, como:

– Segurança;

– Prevenção das perdas;

– Intercambialidade;

– Durabilidade;

– Qualidade e padronização.

 

Tem alguma dúvida sobre a atualização do PBR? Fale com a gente!

Até a próxima!

Postado por Haas Madeiras | haasmadeiras.com.br

Author

Julio

Leave a comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Haas Madeira Logotipo

Valores

2019 collection

Pessoas: trabalho em equipe, talentos individuais e desenvolvimento interno.

Processos: ênfase em eficácia, otimizados, flexíveis e em constante evolução.

Conduta: ética, transparência e foco, com ênfase em alianças.