Quais os melhores paletes para armazenamento de alimentos e por quê?

Quais os melhores paletes para armazenamento de alimentos e por quê?

haasmadeiras - 15 de maio de 2020

Quais os melhores paletes para armazenamento de alimentos e por quê?

A indústria alimentícia é a principal usuária da armazenagem e transporte de produtos em operações de logística, principalmente no que diz respeito aos paletes para armazenamento de alimentos.

Essa movimentação de produtos precisa ser rápida e otimizar os recursos, a fim de aproveitar ao máximo todos os espaços da área de estocagem, diminuindo assim os custos.

Existem paletes para armazenamentos indicados para cada tipo de produto e um deles é o palete de madeira, que no setor alimentício é ideal para transportes seguros, garantindo que os conteúdos cheguem em perfeito estado ao seus destinos.

Para o funcionamento eficiente de um armazém, por exemplo, é preciso que haja um sistema rápido de transferências de cargas, capaz de reter o veículo de entregas pelo menor tempo possível. A melhor forma de realizar isso é por meio de paletes para armazenamento.

 

Como planejar os estoques utilizando palete para armazenamento?

O planejamento é fundamental em uma estrutura de armazenagem, isso porque, com tudo funcionando, os processos serão mais ágeis e eficazes, mas para isso alguns itens devem constar neste plano de ação, como:

  • Localização;
  • Arranjo físico;
  • Dimensão da área;
  • Baias de atracação;
  • Mão de obra qualificada;
  • Equipamentos para movimentação;
  • Tipos e sistemas de armazenagens informatizados para localização de estoques.

 

Como escolher os melhores paletes para armazenamento de alimentos para transportes e estocagem?

Os paletes são o centro da cadeia de abastecimento atualmente, e uma das suas principais finalidades é possibilitar uma estocagem de qualidade, evitando que haja qualquer dano aos produtos transportados durante todo o seu percurso até o cliente final.

Uma dica importante na hora de escolher qual o palete para armazenamento é o mais indicado para determinadas finalidades é: observe as características do material utilizado em suas composições, pois eles apontam o nível de higiene e limpeza encontrados no palete.

Para te ajudar a decidir, vamos mostrar 3 tipos de paletes para armazenamento de alimentos. Confira!

 

Paletes de plásticos paletes para armazenamento de alimentos

Paletes de plástico tem vantagens dentro de processos críticos de higiene, como em abatedouros de animais ou fábricas de medicamentos. Nesses ambientes, tudo precisa ser higienizado com frequência e não pode haver contaminantes.

Pensando na indústria alimentícia, onde a higienização é fator importantíssimo, os paletes de plástico são fáceis de higienizar, diminuindo assim os riscos de proliferação de microrganismos e bactérias, responsáveis por danificar a qualidade dos alimentos ali transportados. 

Além disso, os modelos encontrados no mercado favorecem as operações logísticas, visto que evitam acidentes e geram mais segurança para transportá-los com o auxílio de empilhadeiras.

Os maiores consumidores do palete voltado ao transporte de alimentos são os frigoríficos, laticínios, hortifruti, assim como a indústria alimentícia em geral.

Mas caso os produtos sejam embalados (mesmo as carnes e medicamentos), os paletes de plástico já deixam de ser melhores que o de madeira, devido ao custo e impacto ambiental.

 

Paletes de aço

O aço é um material já conhecido por sua facilidade de higienização e com os paletes também não é diferente. 

Esse tipo de palete é encontrado em indústrias automobilísticas, alimentícias, químicas e farmacêuticas.

Sobre as desvantagens: os paletes de aço oxidam. Para não oxidar, teria que ser feito de aço inox, que custa absurdamente caro. 

Mas para os processos super padronizados, os paletes de aço podem ser bem úteis, já que será utilizado várias vezes e o peso dele não será impeditivo.

 

Paletes de madeira PBR paletes para armazenamento de alimentos

Os caminhões no Brasil possuem uma largura de 2.4 metros. Assim, os paletes de madeira que melhor se adequam à essas medidas são os paletes PBR, que facilitam e agilizam todo o transporte envolvendo alimentos.

Contudo, a escolha por paletes de madeira em armazenamento de alimentos é indicada para armazéns que possuam produtos embalados. 

Ainda assim, algumas características e desempenho devem ser avaliadas, como:

  • Esteja atento ao tipo de madeira que compõe o palete;
  • Verifique o peso de cada palete e a umidade;
  • Todos os paletes deverão estar em perfeitas condições de uso, sem danos;
  • Se houver odores, rachaduras, madeiras empenadas e dimensões que não sejam compatíveis com o modelo padrão, os paletes devem ser descartados;
  • Atenção redobrada com relação ao tratamento para controlar as contaminações por pragas e fungos.

 

Exigências para uso de paletes para armazenamento de alimentos

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determina regras para indústrias e empresas que fazem uso de estocagem e armazenagem de produtos voltados à alimentação. Todos os alimentos devem ser armazenados de forma que não ocorra qualquer chance de contaminação e proliferação de microrganismos. 

Os paletes utilizados nestas operações logísticas, obrigatoriamente, devem ser bem conservados e higienizados. 

Os paletes de madeira para armazenagem de alimentos são seguros e confiáveis

A Haas Paletes trabalha há muitos anos oferecendo esse tipo de produto voltado a indústria alimentícia, gerando uma maior credibilidade a quem busca por opções seguras no transporte de alimentos.

 

Inclusive, já fizemos um outro artigo sobre paletes e embalagens para frutas. Para receber outras atualizações de assuntos como esse, deixe o seu email abaixo.

Até breve!

Entre em Contato